COMPLIANCE DIGITAL

Estar em compliance é estar aderente às regras, é agir em conformidade com as normas legais e infralegais. É atender aos normativos dos órgãos reguladores e aos regulamentos internos. Estar em compliance é estar em conformidade com as normas. A necessidade da implantação da compliance é ainda maior nas organizações que possuem maior responsabilidade na observância das normas jurídicas em seus atos.

O compliance precisa ser aplicado em várias áreas das organizações. O Escritório se dedica especialmente ao compliance digital e oferece os seguintes serviços especializados:

  • Diligências prévias (due diligence) referentes a processos de investigação, ao uso de licenças de softwares, verificação das versões dos softwares.
  • Observância da segurança cibernética, em que se deve proteger as informações sensíveis contra possíveis vazamentos de dados, ataques cibernéticos, como a espionagem cibernética ou o terrorismo cibernéticos, que visam ativos secretos, de natureza política, industrial ou outra. A espionagem cibernética é perpetrada por meio do uso dos recursos da tecnologia da informação para a obtenção dessas informações, sem o conhecimento e a autorização de seus legítimos donos. O terrorismo cibernético, por sua vez, é praticado por meio de recursos da tecnologia da informação para a destruição de informações alheias, com a finalidade de se promover agenda política ou ideológica.
  • Análise e resposta a incidentes de segurança, em termos técnicos e jurídicos, de modo a constatar se as configurações de segurança obedecem os padrões técnicos e jurídicos.
  • Análise jurídica e de segurança cibernética, com proposta de políticas de privacidade e regulamentos, em conformidade com o ordenamento jurídico e com as melhores técnicas de segurança da informação.
  • Localização de vulnerabilidades e de ocorrência de incidentes de segurança da informação e busca dos responsáveis pelas falhas e verificação da aderência às normas de segurança.